HomeEconomia DigitalTaxa no PIX em 2024? Entenda

Taxa no PIX em 2024? Entenda

O Governo Federal em 2020 lançou o PIX  e mudou de vez a vida dos brasileiros, simplificando e acelerando as transferências bancárias além de potencializar o microempreendedoríssimo devido a facilidade de utilizar o sistema de pagamento instantâneo. Porém, uma das melhores características no início do PIX é o custo zero de utilização por parte do usuário. Mas afinal, o PIX será cobrado?

Nova taxa do PIX  em 2024?  

Desde novembro de 2020, o Banco Central não houve efetuou nenhuma mudança na regulamentação do PIX. Uma das primeiras resoluções que a entidade publicou institui que taxas administrativas podem ser aplicadas quando o usuário receber mais de 30 transações mensais, entretanto, cabe a instituição financeira que o cliente faz parte aplicar essas taxas ou não. Outros motivos para poder haver aplicação de taxas incluem o recebimento de pagamentos com fins comerciais, recebimento com QR Code dinâmico ou transferência por canais presenciais ou telefônicos.   

Benefício de usar o PIX      

O maior beneficio de se utilizar o PIX definitivamente é a velocidade da transferência. Por ser instantânea, é possível ver em poucos segundos depois da conclusão da transferência o dinheiro na conta do destinatário. Isso facilita a vida desde transferenciais familiares para uso imediato e para pequenos empreendedores que podem efetuar vendas e prestação de serviços com pagamento via PIX.   

Estatísticas do PIX 

O Banco Central disponibiliza as estatísticas do PIX de forma fácil em seu site, de forma que podemos observar em como o sistema cresce a cada dia em nosso país. Por exemplo, no mês de novembro de 2023 presenciamos mais de 4 bilhões de transferências. Enquanto em valores, o PIX movimentou no mesmo mês mais de 1,7 trilhões de reais e continua crescendo. Todos esses dados mostram como o PIX é um sistema apreciado pela população brasileira e que contribuiu de forma significativa com a digitalização e modernização da vida financeira dos brasileiros.    

Conclusão  

Como conclusão, notamos que não houveram mudanças na legislação do PIX desde sua implementação no final de 2020. As regras para a cobrança de taxas serão as mesmas já praticadas em 2023 e que foram listadas acima. Dessa forma, você pode ficar tranquilo pois não foram anunciadas mudanças nas regras de taxação desse meio de pagamento que veio parta mudar a vida dos brasileiros. 

 

 

spot_img

Últimos arquivos

Explore mais aqui