HomeUncategorizedProcessadores da AMD são mais baratos ?

Processadores da AMD são mais baratos ?

A AMD e suas estratégias 

A AMD conseguiu manter o preço de seus processadores tão baixos por meio de uma combinação de fatores. A empresa adota uma abordagem estratégica para atender a uma ampla variedade de mercados e necessidades de seus clientes, desde entusiastas de jogos até usuários corporativos.

Uma das estratégias mais importantes da AMD para manter os preços baixos é a utilização de tecnologias inovadoras e eficientes na produção de seus processadores. A empresa emprega técnicas de produção avançadas, como litografia em escala nanométrica e o uso de materiais como o silício e o cobalto, que ajudam a maximizar a eficiência e reduzir os custos de produção.

Além disso, a AMD tem investido significativamente em pesquisa e desenvolvimento para melhorar o desempenho de seus processadores e manter-se competitiva no mercado. A empresa tem trabalhado no desenvolvimento de novos processos de fabricação e na integração de tecnologias de ponta, como a inteligência artificial e o aprendizado de máquina, em seus produtos.

 

Processadores sem placa gráfica integrada

Ryzen 5600

Nos últimos anos, a AMD tem ganhado destaque no mercado de processadores com sua linha Ryzen, que oferece desempenho de alto nível a preços competitivos em comparação com os produtos da Intel. Uma das estratégias utilizadas pela AMD para reduzir o preço de seus processadores foi retirar o processamento gráfico integrado (GPU) de alguns modelos, como o Ryzen 5 5600X e o Ryzen 7 5800X.

A decisão de retirar a GPU integrada dos processadores da AMD foi baseada em uma série de fatores. Em primeiro lugar, a empresa notou que a maioria dos usuários que compram processadores de alto desempenho também tendem a usar placas de vídeo dedicadas, o que torna a GPU integrada desnecessária e adiciona custos desnecessários ao produto final.

Além disso, a remoção da GPU integrada permitiu à AMD aumentar o número de núcleos de processamento em seus processadores Ryzen. Isso significa que os processadores sem GPU integrada agora têm mais núcleos de processamento dedicados ao processamento de tarefas complexas, como edição de vídeo, renderização 3D e jogos.

Outra vantagem da remoção da GPU integrada foi a redução do tamanho físico do processador, o que permitiu à AMD reduzir o custo de produção de seus processadores. Isso também significa que os processadores Ryzen sem GPU integrada requerem menos energia e geram menos calor, o que é benéfico para os sistemas de refrigeração e pode ajudar a prolongar a vida útil do produto.

 

Variedade de desempenho e parcerias

Uma boa estratégia importante da AMD é o foco em produtos que atendam a diferentes orçamentos e requisitos de desempenho. Por exemplo, a empresa oferece processadores Ryzen de baixo custo para consumidores que desejam um desempenho razoável por um preço acessível, enquanto também oferece processadores de alta performance, como a linha Threadripper, para usuários profissionais que necessitam de um desempenho superior.

A AMD também mantém uma forte parceria com fabricantes de placas-mãe, memórias e placas de vídeo, o que permite que a empresa ofereça soluções de hardware completas para seus clientes. Isso permite que a AMD negocie preços mais baixos com seus parceiros, o que pode ajudar a reduzir o preço final de seus produtos.

 

Conclusão

A concorrência saudável no mercado de processadores também é um fator importante na manutenção dos preços baixos. A AMD tem competido diretamente com a Intel, o que tem incentivado ambas as empresas a oferecer preços competitivos e aprimorar seus produtos para manter-se relevante no mercado.

Dessa forma, a AMD mantém o preço de seus processadores baixos por meio de uma combinação de estratégias, incluindo tecnologias avançadas de produção, pesquisa e desenvolvimento, foco em produtos diversificados, parcerias estratégicas e competição saudável no mercado.

spot_img

Últimos arquivos

Explore mais aqui