Operadoras deverão repassar dados de celular das vítimas em Minas Gerais

0
69
operadoras-deverao-repassar-dados-de-celular-das-vitimas-em-minas-gerais

Diante do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, região metropolitana de Belo Horizonte, a Justiça Federal de Minas Gerais determinou que as empresas de telefonia móvel deverão fornecer dados sobre os sinais de celulares das vítimas.

As operadoras Vivo, Tim, Claro, Oi, Nextel, Algar Telecom e Sercomtel deverão cumprir o pedido, feito inicialmente pela Advocacia-Geral da União (AGU) e aceito pela Justiça.

“A decisão se estende aos clientes que estavam nas imediações da Mina de Córrego de Feijão entre a meia-noite de quinta-feira (24) e o mesmo horário de ontem (25), num raio de 20 quilômetros”, diz nota da AGU.

Todas as informações devem ser repassadas para os órgãos envolvidos nas operações de socorro e resgate, como Forças Armadas, Defesa Civil de Minas Gerais, Corpo de Bombeiros do Estado, Polícia Militar de MG, Vale e para a Prefeitura de Brumadinho.

A barragem de rejeitos da mineradora Vale se rompeu na tarde de sexta-feira (25). Até o período da noite, cinco vítimas haviam sido encaminhadas para Hospitais.

Na manhã deste domingo (27), o Corpo de Bombeiros informou que 37 pessoas morreram e outras 192 foram resgatadas.

As buscas foram temporariamente interrompidas devido a risco de um novo rompimento de barragem na cidade. 296 foram consideradas desaparecidas até a noite de sábado (26).

*Com informações da Agência Brasil.