Ministro do Turismo diz que tem a consciência tranquila; justiça decreta sigilo em investigações

0
10
ministro-do-turismo-diz-que-tem-a-consciencia-tranquila;-justica-decreta-sigilo-em-investigacoes

Denunciado na sexta-feira (4) pela Procuradoria Eleitoral de Minas Gerais pelo uso de candidaturas laranjas em 2018, o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antonio, afirmou que não pretende se afastar do cargo.


Em entrevista à Rádio Itatiaia, o ministro disse que “Quem não deve não teme”.

“Por que me afastaria, se tenho a consciência tranquila? Não vejo problema nenhum, caso abra essa segunda investigação para caixa 2. Sempre zelei por observar as regras da lei eleitoral. Portanto, estou absolutamente tranquilo em relação a esses fatos”, acrescentou.

Álvaro Antônio foi indiciado pela Polícia Federal na “Operação Sufrágio Ostentação” por falsidade ideológica, associação criminosa e apropriação indébita.

Segundo as investigações, quando era candidato a deputado federal e presidente do PSL em Minas Gerais, o ministro teria articulado um esquema de lançamento de candidaturas femininas, apenas para acessar recursos do fundo eleitoral.

Ainda na sexta-feira, o promotor de Justiça Fernando Abreu, que é autor da denúncia, admitiu a possibilidade de abrir novas investigações sobre o esquema, mas não entrou em detalhes sobre quais seriam.

Em nota, a assessoria do ministro diz que “embora o ministro tenha ocupado a posição de presidente do partido, ele não exerceu qualquer ato relacionado ao objeto das apurações. E apesar de ter sido profundamente investigado durante esses 8 meses de inquérito instaurado não há um depoimento ou prova sequer que demonstre qualquer ilícito imputável ao Ministro”.

Nesta terça-feira (8), a justiça decidiu decretar sigilo nas investigações. De acordo com o juiz responsável pelo caso, Flávio Catapani, da 26ª Zona Eleitoral de Belo Horizonte, nenhum desdobramento da denúncia será divulgado.

- ban livraria2019 - Ministro do Turismo diz que tem a consciência tranquila; justiça decreta sigilo em investigações