“Dediquei corpo e alma”, Villas Boas se despede do Exército Brasileiro

0
60
dediquei-corpo-e-alma-villas-boas-se-despede-do-exercito-brasileiro
- ban apoiase2019 - “Dediquei corpo e alma”, Villas Boas se despede do Exército Brasileiro

O comandante do Exército Brasileiro, General Villas Boas, anunciou sua saída do cargo nesta segunda-feira (7) em seu twitter oficial.

“Semana de agradecimento! Após 4 anos no comando do @exercitooficial, onde dediquei literalmente meu corpo e minha alma, passarei os destinos da FT ao Gen Leal Pujol. Muitos os desafios, mas, com apoio de tantos, os suplantamos por inúmeras realizações em prol do Brasil e do VO”, afirmou o militar.

- Captura de Tela 2019 01 07   s 15 - “Dediquei corpo e alma”, Villas Boas se despede do Exército Brasileiro
Comandante do Exército anuncia sua saída.

O novo comandate do Exército é o Gen. Edson Leal Pujol. Confira o curriculo do militar abaixo.

Gen Ex EDSON LEAL PUJOL

- 41976 resize 620 380 true false null - “Dediquei corpo e alma”, Villas Boas se despede do Exército Brasileiro
Gen. Edson Leal Pujol, novo comandante do Exército Brasileiro

Nascido em 02 de janeiro de 1955, na cidade de Dom Pedrito/RS, é filho do Coronel PM/RS PÉRICLES CORRÊA PUJOL e da Professora Estadual MARIA LINA LEAL PUJOL.

Foi promovido ao Posto atual em 31 de março de 2015.

Oriundo do Colégio Militar de Porto Alegre/RS, incorporou às fileiras do Exército em 1º de março de 1971, na Escola Preparatória de Cadetes do Exército, e concluiu a Academia Militar das Agulhas Negras em 15 de dezembro de 1977, tendo sido declarado Aspirante a oficial da Arma de Cavalaria.

Além dos Cursos de Formação, de Aperfeiçoamento, de Comando e Estado-Maior e de Política, Estratégia e Alta Administração do Exército, realizou, também, dentre outros, os Cursos Básico Paraquedista, Operações de Informações (Curso Básico de Inteligência), Operações na Selva, Operações na Caatinga, Básico de Montanha e Operações Aeromóveis.

No exterior, realizou o Curso Avançado de Blindados na Escola de Blindados do Exército Norte-Americano, em Fort Knox, EUA. Possui, ainda, diversos cursos civis, entre eles os da Escola Nacional de Administração Pública/ENAP e o MBA Executivo, Administração de Negócios, e o de Gerenciamento de Projetos, ambos da Fundação Getúlio Vargas. Realizou, também, Cursos de Especialização em Operações de Paz do Sistema das Nações Unidas.

Durante sua vida militar, serviu no 7º e no 12º Regimento de Cavalaria Mecanizado, no 3º Esquadrão de Cavalaria Mecanizado e no antigo Gabinete Militar da Presidência da República. Foi Instrutor na Academia Militar das Agulhas Negras e na Escola de Aperfeiçoamento de Oficiais.

Como Oficial de Estado-Maior, serviu nos Comandos Militares da Amazônia e do Sul e foi Analista da Área Internacional, Chefe de Divisão e Subchefe no Centro de Inteligência do Exército.

No Exterior, exerceu as funções de Observador Militar das Nações UNIDAS em El Salvador – ONUSAL, América Central; e de Adido de Defesa, Naval e do Exército junto à Embaixada Brasileira no Suriname, América do Sul.

Comandou a Escola de Administração do Exército e o Colégio Militar de Salvador, na Bahia.

Como General de Brigada, comandou a 1ª Brigada de Cavalaria Mecanizada, em Santiago/RS, e a Academia Militar das Agulhas Negras, AMAN, em Resende/RJ.

Como General de Divisão, foi Chefe do Centro de Inteligência do Exército; Comandante das Forças de Paz da MINUSTAH, no Haiti, e, Secretário-Executivo do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, em Brasília/DF.

Como General de Exército, foi Secretário de Economia e Finanças, em Brasília/DF, e Comandante Militar do Sul, em Porto Alegre/RS.

Assumiu a Chefia do Departamento de Ciência e Tecnologia no dia 4 de maio de 2018.

- ban livraria2019 - “Dediquei corpo e alma”, Villas Boas se despede do Exército Brasileiro