CPI das Fake News quer ouvir Whatsapp, Google, Instagram, Youtube, Twitter, Telegram e The Intercept

0
12
cpi-das-fake-news-quer-ouvir-whatsapp,-google,-instagram,-youtube,-twitter,-telegram-e-the-intercept

A CPI das Fake News se reúne amanhã, terça-feira (10), às 14h30, para votar os primeiros requerimentos da comissão.


Eles querem ouvir representantes brasileiros do Whatsapp, Google, Instagram, Youtube, Twitter e Telegram e também os responsáveis pelo The Intercept Brasil.

A deputada Luiziane Lins (PT-CE), autora dos requerimentos na comissão mista, diz ser importante ouvir pessoas que “ocupam funções importantes” nestas empresas e que suas posições podem “conter elementos que colaborem com as investigações”.

Segundo a Agência do Senado, também há pedido para que seja ouvida a professora universitária e blogueira feminista Lola Aronovich, alvo de uma campanha cibernética difamatória e perseguição física no Ceará.

A CPI é presidida pelo senador Ângelo Coronel (PSD-BA) e tem como relatora a deputada Lídice da Mata (PSB-BA). A reunião está marcada para o Plenário 19 da Ala Alexandre Costa.

- ban livraria2019 - CPI das Fake News quer ouvir Whatsapp, Google, Instagram, Youtube, Twitter, Telegram e The Intercept