Captação via equity crowdfunding salta 258% em 2018

0
74
captacao-via-equity-crowdfunding-salta-258-em-2018

SÃO PAULO (Reuters) – A captação de recursos via ‘equity crowdfunding’, mecanismo online de investimento em empresas, totalizou 46 milhões de reais em 2018, crescimento de 258 por cento em relação a 2017, de acordo com dados disponibilizados pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM) nesta segunda-feira.


Em julho de 2017, a CVM regulamentou a modalidade via Instrução CVM 588, segundo a qual cada empresa pode captar até 5 milhões de reais.

Em 2018, o valor médio de captação por oferta alcançou 1 milhão de reais, contra 583 mil reais no ano anterior. Das 56 ofertas lançadas, 46 foram concluídas, percentual melhor do que em 2017, quando foram fechadas apenas 22 de um total de 55. O número de investidores passou de 2.467 para 8.966.

O número de plataformas oferecendo o serviço passou de 5 para 14. “Até o fim deste mês, a expectativa é que esse número chegue a 18”, afirmou o superintendente de Desenvolvimento de Mercado (SDM) da CVM, Antonio Berwanger, em nota publicada no site da autarquia.

Uma das condições previstas pela instrução é que este tipo de oferta somente ocorra por meio de plataformas que passaram pelo processo de autorização junto à CVM.

Para Brian Begnoche, sócio-fundador da EqSeed, plataforma de equity crowdfunding com foco em startups que em 2018 intermediou a captação de 12,8 milhões para 12 empresas, a regulamentação do equity crowdfunding pela CVM chancelou essa modalidade de investimento, deu um selo de qualidade.

Ele afirmou que há uma demanda elevada de empresas buscando esse tipo de financiamento, principalmente nos segmentos de fintechs, agrotech, logística e energia, “em que o potencial de retorno é muito grande”. Para 2019, a EqSeed prevê captar 36 milhões de reais para 30 companhias.

Do lado do investidor, além do respaldo da CVM, Begnoche atribuiu o crescimento à busca por diversificação nos investimentos dada a perspectiva de manutenção dos juros em níveis historicamente baixos. “O investidor está procurando retornos em outros produtos como a renda variável.”

(Por Paula Arend Laier)