Brasil tem números altos de violência nos nove primeiros meses de 2018

De acordo com os dados levantados pelo G1, foram assassinadas 38.436 pessoas nos primeiros nove meses de 2018 no Brasil. Só no mês de setembro, foram apontados 3.721 casos de assassinato. A instituição afirma que os dados são bem maiores do que o apresentado, já que Maranhão e Paraná não revelaram as informações relacionadas ao…

brasil-tem-numeros-altos-de-violencia-nos-nove-primeiros-meses-de-2018  - brasil tem numeros altos de violencia nos nove primeiros meses de 2018 - Brasil tem números altos de violência nos nove primeiros meses de 2018

De acordo com os dados levantados pelo G1, foram assassinadas 38.436 pessoas nos primeiros nove meses de 2018 no Brasil. Só no mês de setembro, foram apontados 3.721 casos de assassinato. A instituição afirma que os dados são bem maiores do que o apresentado, já que Maranhão e Paraná não revelaram as informações relacionadas ao mês nove.

Os dados referentes a vítimas de crimes com requintes violentos são acompanhados com frequência pelo índice nacional de homicídios, ferramenta criada pelo G1. De acordo com o estudo levantado, o número consistente até o momento calcula todos os homicídios dolosos, latrocínios e lesões corporais acompanhadas de morte, o que juntos demonstram os crimes letais e vitais.

O mapa está ligado ao Monitor de Violência, trata-se da junção do G1 com o Núcleo de Estudos da Violência da USP, juntamente com o Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Jornalistas do G1, dispersos por toda parte do mundo, buscam as informações por meio da Lei de Acesso à Informação, respeitando o padrão metodológico usado pelo Fórum no Anuário Brasileiro de Segurança Pública. A ação tem como objetivo facilitar uma análise em tempo real da violência, além de exigir clareza por parte dos governantes.

Transparência

Segundo o G1, dois Estados (Maranhão e Paraná) não disponibilizaram os dados em relação ao mês de setembro, afirmam ainda não terem os dados para divulgar até o presente momento. Paraná não disponibilizou as informações referentes ao mês de agosto e julho de 2018.

Justificativa dos Estados de Maranhão e Paraná

Maranhão: Segundo a Secretaria de Segurança Pública, os dados referentes ao mês de setembro estão sendo firmados, somente no final de 2018 serão divulgados, “obedecendo ao prazo de três meses legalmente estabelecido”.

Paraná: De acordo com a Secretaria de Segurança Pública, os dados relacionados aos três meses estão em processo de tabulação para futura confirmação e divulgação.

Cresce o número de contratação de serviços de segurança privada

Com o aumento da criminalidade, tanto empresas como pessoas físicas estão redobrando a segurança de seus patrimônios. O cenário transmite medo e insegurança a todos, por esse motivo, aumenta o número de contratação de empresas de vigilância privada.

Portanto, antes de contratar uma empresa de vigilância privada, a pessoa deve pesquisar todas as informações referentes aos seus serviços, como, por exemplo, se a equipe está bem preparada para guardar e proteger o seu patrimônio. É importante também verificar se já atendeu a alguma organização ou pessoa conhecida que possam lhe passar referências.

Uma empresa de vigilância privada, além de experiência e equipes capacitadas para desenvolver esse tipo de atividade, precisa ter autorização dos órgãos competentes e respeitar as normas estabelecidas na lei.

Caso a sua pretensão é a de contratar uma empresa especializada para fazer a segurança do seu patrimônio, hoje é possível encontrar no mercado muitas delas e com boas referências.

A Generall é uma empresa de segurança especializada em sistemas de monitoramento e conta com os melhores equipamentos, além de uma equipe de profissionais especializados e altamente capacitados. A empresa, para melhor atender e garantir a segurança dos seus clientes, oferece as melhores soluções com a mais alta tecnologia.
- 188637 partnerId 1358 - Brasil tem números altos de violência nos nove primeiros meses de 2018

Website: https://www.generall.com.br/

WP2Social Auto Publish Powered By : XYZScripts.com