Bolsonaro dá pancada na mídia e afirma: Amazônia não está devastada nem consumida pelo fogo

0
13
bolsonaro-da-pancada-na-midia-e-afirma:-amazonia-nao-esta-devastada-nem-consumida-pelo-fogo

“Nossa Amazônia é maior que toda a Europa Ocidental e permanece praticamente intocada”

Em discurso de abertura da 74ª Assembleia das Nações Unidas, o presidente Jair Bolsonaro afirmou que o atual governo tem “compromisso solene” com a preservação do meio ambiente e o desenvolvimento sustentável.


O ponto mais aguardado do pronunciamento era a situação da Amazônia. Nos últimos meses, os incêndios e queimadas na floresta foram alvo de grande histeria não apenas no Brasil, mas em alguns países do mundo, como a França de Emmanuel Macron.

Imagem  - EFPCsXbWkAE Euo format jpg name large - Bolsonaro dá pancada na mídia e afirma: Amazônia não está devastada nem consumida pelo fogo
Ysani Kalapalo e Michelle Bolsonaro

Jair Bolsonaro levou para o evento a indígena Ysani Kalapalo, a quem citou ao tocar no tema: “Senhorita Ysani Kalapalo, agora vamos falar de Amazônia”.

Ele começou dizendo que o Brasil é um dos países mais ricos em biodiversidade e riquezas minerais. Nossa Amazônia, segundo ele, é maior que toda a Europa Ocidental e permanece praticamente intocada. “Prova de que somos um dos países que mais protegem o meio ambiente”, salientou.

O presidente explicou ainda que esta época do ano favorece queimadas espontâneas acidentais e criminosas, devido ao clima seco. Mas, lembrou que “existem também queimadas praticadas por índios e populações locais, como parte de sua respectiva cultura e forma de sobrevivência”.

Ataques sensacionalistas

Os ataques sensacionalistas que o Brasil sofreu por grande parte da mídia internacional, devido aos focos de incêndio da Amazônia, despertaram um sentimento patriótico, segundo o presidente.

“É uma falácia dizer que a Amazônia é patrimônio da humanidade e um equívoco, como atestam os cientistas, afirmar que a nossa floresta é o pulmão do mundo. Valendo-se dessas falácias, um ou outro país, em vez de ajudar, embarcou nas mentiras da mídia e se portou de forma desrespeitosa, com espírito colonialista. Questionaram aquilo que nos é mais sagrado: a nossa soberania!”.

Sem citar o nome de Macron, Bolsonaro afrmou que no G7, um dos países sugeriu aplicar sanções ao Brasil. “Agradeço àqueles que não aceitaram levar adiante essa absurda proposta”.

Outro ponto de destaque no discurso foi quando o presidente disse que líderes como o cacique Raoni são usados como peça de manobra:

“A visão de um líder indígena não representa a de todos os índios brasileiros. Muitas vezes alguns desses líderes, como o Cacique Raoni, são usados como peça de manobra por governos estrangeiros na sua guerra informacional para avançar seus interesses na Amazônia”. E acrescentou: “Infelizmente, algumas pessoas, de dentro e de fora do Brasil, apoiadas em ONGs, teimam em tratar e manter nossos índios como verdadeiros homens das cavernas”

Território preservado

O chefe do executivo foi enfático também ao destacar que França e Alemanha usam mais de 50% de seus territórios para a agricultura, enquanto o Brasil usa apenas 8% de terras para a produção de alimentos. Ou seja, 61% do território brasileiro é preservado.

Ajuda ou apoio à preservação da Floresta Amazônica ou de outros biomas, deve ser tratada respeitando a soberania brasileira, frisou Bolsonaro.  “Também rechaçamos as tentativas de instrumentalizar a questão ambiental ou a política indigenista, em prol de interesses políticos e econômicos externos, em especial os disfarçados de boas intenções. Estamos prontos para, em parcerias, e agregando valor, aproveitar de forma sustentável todo nosso potencial”, disse.

Amazônia não está em sendo devastada

O presidente aproveitou para dar outra pancada na mídia, que repercutiu mundo afora que a Floresta Amazônica estava sendo devastada e consumida pelo fogo: “Ela [Amazônia] não está sendo devastada e nem consumida pelo fogo, como diz mentirosamente a mídia. Cada um de vocês pode comprovar o que estou falando agora. Não deixem de conhecer o Brasil, ele é muito diferente daquele estampado em muitos jornais e televisões!”, finalizou.

- ban livraria2019 - Bolsonaro dá pancada na mídia e afirma: Amazônia não está devastada nem consumida pelo fogo