Bolsonaro critica decisão da CCJ de derrubar o decreto de armas

0
4
bolsonaro-critica-decisao-da-ccj-de-derrubar-o-decreto-de-armas

Nesta quinta-feira (13/6), o presidente Jair Bolsonaro criticou a decisão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado, que aprovou sete projetos que derrubam o Decreto 9.785 do presidente que flexibiliza o porte de armas no Brasil. Os projetos tramitam em conjunto e seguem em regime de urgência para apreciação do Plenário.

“Quem está perdendo não sou eu não. Eu tenho porte de arma porque eu sou capitão do Exército. Quem está perdendo é o povo que quer arma, esse povo que, em 2005, foi lá no referendo e votou pelo direito de comprar armas e munições e o governo do PT simplesmente ignorou, passou por cima disso”, afirmou Bolsonaro durante live semanal transmitida na página dele no Facebook.

Ele estava acompanhado, durante a transmissão, pelo presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, e pelos deputados federais Marco Feliciano (Pode-SP) e Éder Mauro (PSD-PA).

* Com informações de Agência Brasil

- ban livraria2019 - Bolsonaro critica decisão da CCJ de derrubar o decreto de armas